Quinta-feira, 4 de Outubro de 2007

A CAPELA DAS VERDADES

Sábado, 9 de Junho de 2007

 

Porto Antigo: Arco das Verdades

 

*********************

 
Ao fundo da Rua de D. Hugo, quase oculta pela imensidão do palácio dos bispos, fica a Capela de Nossa Senhora das Verdades. É um modesto templo rectangular, sóbrio, cujo valor assenta, essencialmente na sua antiguidade e na história a que está ligado.
Pouco depois da demolição da Porta das Verdades (chamada, primeiramente, das Mentiras), uma das quatro aberturas da muralha primitiva (a que dava acesso à zona do Barredo e da Ribeira, no tempo em que a cidade ainda não se tinha estendido até ao rio), o cónego Domingos Gonçalves Prada, que residia na Rua de D. Hugo (e que então se chamava Rua de Trás da Sé), comprou umas casas vizinhas e construiu à sua custa uma capela, no decurso do séc. XIV, para substituir o nicho que existia sobre a Porta demolida e na qual se encontrava a imagem da Virgem, sua padroeira.
 O pequeno templo degradou-se e foi reconstruído em 1697. Durante o Cerco do Porto (1832-34), a capela foi bastante danificada pela artilharia dos Miguelistas, instalados na Serra do Pilar (Gaia), donde visavam a bateria dos Liberais, colocada no pátio do Paço Episcopal.
Acabada a guerra civil, a capela voltou a ser restaurada, em 1834, por D. Ângela Jácomo do Lago Moscoso, como se lê numa inscrição existente na capela.
A ruína e a destruição tomaram, de novo, conta da capelinha, até que a Câmara Municipal a comprou, toda em ruínas, aos seus proprietários de então, em 1950, e a mandou restaurar.
O altar desta capela foi feito com a aproveitamento de talhas do séc. XVII e é composto por várias colunas torcidas, decoradas com parras, querubins e aves. Essas pinturas, em madeira e também do mesmo século, representam S. Domingos, S. José, S. João Evangelista e Nossa Senhora da Rosa.
No nicho principal (sobre o qual figura o monograma de Cristo, IHS, entre duas palmas, encimado por uma coroa e sustentado por dois anjos) abriga-se a referida imagem de Nossa Senhora das Verdades, em calcário de Coimbra, de belas linhas escultóricas e anterior ao séc. XIV. Uma das particularidades desta bonita imagem, para além da sua antiguidade, é a de mostrar a Virgem com o Menino, não ao colo como é habitual, mas colocado de frente.
publicado por amaroporto2 às 10:53

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.links

.as minhas fotos

.Agosto 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. A HISTÓRIA E O VALOR DO C...

. ÉDEN TEATRO

. "A Brasileira" nos Anos 5...

. Betão e Poluição

. O burburinho de mil vidas

. PORTO

. No 170º aniversário do na...

. Porto Sentido

. O Porto há cem anos 1

. A Cidade nos Livros

. Preservar a memória colec...

. Coliseu do Porto tem 70 a...

. A Publicidade em 1959

. Júlio Resende: um portuen...

. Tripas à moda do Porto

. Paços do Concelho da Cida...

. S. JOÃO no PORTO de outro...

. Memórias da cidade

. Porto meu

. A evolução de Darwin

. Fim das Comemorações da R...

. Não me obriguem!

. ALMEIDA GARRETT

. 11 de Janeiro de 2011

. Avenida da Boavista

. CORREIO DA NOITE

. Pelos Caminhos de Antero ...

. Fernando Pessoa

. As regras da sensatez

. Da minha janela...

.arquivos

. Agosto 2016

. Novembro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds