Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Amar o PORTO +

"Não há futuro sem memória. Sem enraizamento e sem memória, os povos, como os homens, são apenas náufragos." Manuel António Pina

Amar o PORTO +

"Não há futuro sem memória. Sem enraizamento e sem memória, os povos, como os homens, são apenas náufragos." Manuel António Pina

Fernando Pessoa

30.11.10, amaroporto2

 

(13 de Junho de 1888-30 de Novembro de 1935)

 

 

A morte é a curva da estrada,

Morrer é só não ser visto.

Se escuto, eu te oiço a passada

Existir como eu existo.

 

A terra é feita de céu.

A mentira não tem ninho.

Nunca ninguém se perdeu.

Tudo é verdade e caminho.

 

Fernando Pessoa [23 de Maio de 1932]

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.